Cuidados básicos na hora de construir ou reformar

03 de abril de 2017

Como evitar perdas e gastos desnecessários na hora da reforma


Quem nunca ouviu, ou até vivenciou, a situação de fazer um orçamento na hora da reforma da casa e, com o passar do tempo, gastar muito mais do que o projetado, sem saber ao certo para onde foi seu dinheiro?

A situação, apesar de bastante comum, pode acabar com o planejamento financeiro. E como evitar que isso aconteça?

Se você está pensando em reformar a sua casa, é importante tomar alguns cuidados que garantam, não apenas a boa conclusão do projeto, mas, também, que os gastos estejam dentro do previsto.

Na ponta do lápis
O primeiro passo é colocar no papel exatamente o que pretende com a reforma e quanto
está disposto a gastar para atingir seus objetivos. É importante levar em consideração todas as demais despesas mensais, para não comprometer grande parte de seu orçamento com a reforma e acabar inadimplente com os demais compromissos financeiros.

A pesquisa de preços é a próxima etapa, tanto para a mão-de-obra quanto para os materiais. Na escolha do profissional, é importante que o preço seja fechado por serviço concluído, e não por dia trabalhado. Este é um dos principais motivos para as obras infindáveis.

E na compra de materiais, avalie, além do preço, a qualidade do produto. Muitas vezes, o barato sai caro. Negocie formas de pagamento, descontos e, no caso de parcelamento, cuidado com os custos embutidos, como encargos e taxas de juros. O momento não é dos melhores para entrar em uma dívida.

Outra opção é a contratação de uma empresa especializada, que pode ser uma boa alternativa para ajudar a reduzir as perdas, pois, se elas ocorrerem, são bancadas pelo profissional de reforma, uma vez que os serviços e materiais necessários são definidos contratualmente.

Dicas úteis
Atenção a outras recomendações para quem quer reduzir perdas e garantir o orçamento previsto durante a execução de uma obra:

  • confira e relacione os materiais no ato de descarga;
  • destine um ambiente fechado para que este material possa ser guardado, e cheque periodicamente a relação dos materiais estocados;
  • mantenha controle sobre as pessoas que têm acesso a este ambiente;
  • faça a reforma com pessoas de confiança, das quais possua referências pessoais e profissionais;
  • faça seguro, sempre que possível;
  • visite frequentemente o local da obra.

Tomando estes cuidados é bastante provável que, se não conseguir eliminar por completo, ao menos você será capaz de baixar significativamente as perdas com a sua reforma.